terça-feira, março 5, 2024

HomeCultura“Balacobaco”, Unidos do Herval vai falar sobre vinho

“Balacobaco”, Unidos do Herval vai falar sobre vinho

Foto Divulgação

A Unidos do Herval abre o desfile competitivo das escolas de samba na Avenida XV de Novembro, em Joaçaba no sábado, dia 22 de fevereiro, a partir das 21h, com o enredo “Balacobaco”.

Foto Divulgação

Segundo o carnavalesco Zezzo Henzze, a agremiação irá falar sobre o vinho. “Vamos falar sobre o vinho. Desde a descoberta de vinhas na tumba de Tutankamon no Egito, passando pós Deus Baco (Dionísio), os gladiadores, a primavera Romana. Sobre os saraus de Maria Antonieta na corte francesa, o vinho da igreja, os monges e suas catedrais. Até a chegada de Cabral em 1500, trazendo em sua nau 60 mil litros de vinho!”, detalha o carnavalesco.

Para contar esta história, a Unidos do Herval desfilará com 800 integrantes, distribuídos em 14 ala. A escola trará ainda quatro alegorias. A comissão de frente tem coreografia de Analie Pasquali, que também é porta-bandeira da Unidos do Herval.

A noite segue com desfile da escola Aliança (O país do Carnaval antes de Cabral) e da atual campeã Acadêmicos do Grande Vale (Coragem, a vida depende de nossas escolas).

INGRESSOS

Os ingressos estão à venda pelo site ingressos.liesjho.com.br/

ESCOLA UNIDOS DO HERVAL

Presidente: Sérgio Giacometti
Carnavalesco: Zezzo Henzze
Mestre-sala e Porta-bandeira: Wilson Nichelle e Analie Pasquali
Comissão de frente: Danrlei.
Mestre de bateria: Max
Alas: 14
Alegorias: 4
Integrantes: 800
Fundação: 6 de março de 1981
Cores: preto, amarelo, vermelho e branco
Símbolo: Águia
Enredo: Balacobaco, compositores Panelão e Alex de Souza

Foto Divulgação

BALACOBACO

Boca sedenta, marcante sabor
Deuses, muralhas me deem proteção
Sono eterno, embriagado
Cachos desejados, dourado faraó
Pisa, amassa e me traga
O aroma que tem essa baga
Pra completar a fermentação
É o sabor que me traz alucinação
É o sabor que me traz alucinação

Evoé, sou Herval, Baco
Vem pra festa carnal, Balacobaco
Roma pagã o meu prazer não é pecado
Um vinho pra ficar embriagado

Afasta de mim esse cálice, oh Pai!
É sangue que me trava a boca
Nas catedrais, divinos madrigais,
Bebendo até a última gota
Mistérios, dourados salões
A corte do rei Sol emana alto astral
Saca essa rolha, que esse porto marcante
Faz a Águia triunfante
Borbulhar no Carnaval

Sauvignon, Cabernet, Merlot
Bacanal, Moscatel, amor
Eu sou artista em alma de Zé Pereira
Pra essa orgia se acabar na quarta-feira

Posts semelhantes

Posts recentes