sábado, junho 22, 2024

HomeEsportesLeonardo Gaciba é o novo chefe da arbitragem da CBF

Leonardo Gaciba é o novo chefe da arbitragem da CBF

Ex-árbitro de 47 anos e comentarista da Globo integrou o quadro da Fifa entre 2005 e 2009. Ele será anunciado por Rogério Caboclo que assume a presidência da entidade nesta terça-feira.

O ex-árbitro Leonardo Gaciba, de 47 anos, será o novo chefe do departamento de arbitragem da CBF. A novidade será anunciada nesta semana, quando Rogério Caboclo assume a presidência da entidade. Gaciba foi árbitro do quadro da FIFA entre 2005 e 2009 – e, desde 2010, atuava como comentarista de arbitragem. Começou na Rádio Gaúcha e na RBS e depois passou a comentar no Grupo Globo, do qual se desligou neste domingo.

Desde setembro de 2016, o departamento de arbitragem da CBF era chefiado pelo Coronel Marcos Marinho, que também havia ocupado esse cargo na Federação Paulista de Futebol.

Rogério Caboclo, diretor-executivo de gestão da CBF, foi eleito presidente em abril do ano passado, mas só vai assumir nesta semana. No período, a presidência da CBF foi ocupada interinamente por Antonio Carlos Nunes, o Coronel Nunes.

CAMISA BRANCA
O atacante Vinicius Junior está no Rio de Janeiro para servir de modelo no lançamento da nova camisa da seleção brasileira, de cor branca, usada como uniforme número 1 até o vice-campeonato na Copa do Mundo de 1950.

A CBF pediu ao Real Madrid a liberação de Vinicius Junior, ainda em recuperação da ruptura de ligamento do tornozelo direito. O elenco principal do clube merengue está de folga nesta segunda-feira. De acordo com a assessoria do atacante, a segunda-feira será dedicada à continuidade do tratamento.

O lançamento da camisa será no Museu da CBF, na sede da entidade, localizada na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, logo depois da posse de Rogério Caboclo como novo presidente. A convocação da Seleção para a Copa América está marcada para o dia 17 de maio.

A camisa branca deixou de ser usada como uniforme principal do Brasil definitivamente em 1954. Depois do vice-campeonato na Copa de 1950, a Seleção ainda conquistou o Pan-Americano de 1952 e disputou algumas partidas até aposentar de vez a cor. Em 2004, voltou a vestir a versão original em amistoso contra a França, em comemoração aos 100 anos da Fifa.

Posts semelhantes

Posts recentes